O trigo e o Joio - Pe. Pedro PDF Imprimir E-mail
Escrito por Pe. Pedro Hagassis de Araújo   
Dom, 11 de Setembro de 2011 16:48

O TRIGO E O JOIO 

 Texto: (c) Pe. PEDRO HAGASSIS DE ARAÚJO

“Queres que vamos arrancar o joio? O dono respondeu: não! Pode acontecer que arrancando o joio arranqueis também o trigo. Deixai crescer um e outro até a colheita! E no tempo da colheita, direi aos que cortam o trigo: arrancai primeiro o joio e amarrai-o em feixes para ser queimado! Recolhei, porém o trigo em meu celeiro!” (Mt 13,28b-30)

            Quando criança eu ficava curioso vendo mamãe colocar uma porção de feijão ou de arroz sobre a mesa e ficar tirando alguma coisa. Perguntando o que estava fazendo me disse: estou escolhendo o feijão. O que é escolher? Perguntei. Ela disse: é separar o feijão bom do ruim. O bom vai pra panela e o ruim é jogado fora. E disse também: quando você crescer, aprenda a escolher os seus amigos. Assim como o feijão, existem pessoas boas e ruins.  

            Mamãe tinha razão. Mas não é fácil separar o bom do ruim, pois as pessoas não aparentam externamente o que são, como o feijão que mamãe escolhia. Diferentemente, os defeitos visíveis são defeitos físicos que não nos demonstram ser pessoa boa ou ruim. Mas, assim como o joio, essa diferença aparece no campo da vida. Carregamos dentro de nós esse joio e trigo. No entanto, só conseguimos ver o joio no outro. Como diz o ditado: “nós sentamos sobre o nosso rabo e ficamos olhando o dos outros”. Ou seja, esquecemos os nossos defeitos e ficamos reparando o dos outros.

            No campo espiritual a parábola do joio e do trigo pode nos levar a meditar sobre o bem e o mal que está no homem. Deus ao criar o homem, criou-o sua imagem e semelhança. Criou-o puro, bom, mas veio o pecado, o mal. Então o bem e o mal passaram a conviver junto no coração do homem. Não tem como separá-los. Temos de conviver com os dois até o fim. Quando optamos por viver fazendo o bem então somos a boa semente. Mas quando agimos praticando somente o mal, somos a má semente. E assim, a boa e má semente convivem no campo do mundo até o final dos tempos quando será separado os bons dos maus.

 

A MISSÃO

1.- Você é batizado  cristão desinibido

     Você já foi crismado está comprometido

     Então vá trabalhar na messe do Senhor

     Vá catequizar a todos com amor

 

2.- O trigo foi plantado o joio também foi

     Nasceram entrelaçados crescendo junto os dois.

     O trigo é a bondade que Cristo quis mostrar

     O joio é a maldade que quer nos sufocar

 

3.- Vivendo juntos então é fácil reconhecer

      Que o trigo é o cristão que pode ao joio vencer

      Vá então catequizar cumprir sua missão

      O mal em bem transformar e dar-lhe a salvação.

Última atualização em Dom, 18 de Setembro de 2011 09:34